Vendedores de água de coco contam como cresceram o negócio na cidade

0
222

O casal Júlio César Scrignoli e Taisa Mara Rodrigues Branco Scrignoli trabalham juntos há cinco anos vendendo água de coco em Votuporanga. Eles possuem alvará de ambulantes e comercializam o produto no centro da cidade.

No começo, eles trabalhavam com um carrinho simples e esfriavam a água com gelo, hoje eles já possuem uma minivan feita sob medida para o ramo, gelando a água de coco com energia elétrica.

“O ponto era da minha mãe, e quando ela parou, eu e minha mulher resolvemos tocar o negócio. Hoje nós vivemos exatamente da venda da água de coco”, conta Júlio.

Ele diz que o avanço deles foi gradativo, e que no começo tudo era mais devagar, e atualmente eles estão bem melhor. “Queremos montar a nossa Micro Empresa Individual (MEI) e diversificar o nosso ramo, vendendo outros produtos”.

Para isso, eles esperam a vinda de quiosques, semelhantes aos instalados na Praça São Bento, para poder avançar. “Nós ficamos limitados a isso aqui e não temos espaço para aumentar o negócio”, revela Taisa.

O local em que eles ficam é estratégico, onde muitas pessoas circulam diariamente. “Nós percebemos que o pessoal aprendeu a beber a água de coco, isso facilitou muito desde quando começamos. O nosso clima quente também ajuda muito, e as pessoas querem se refrescar de alguma forma”, conta a comerciante.

Eles atendem das 9h às 17h, sem intervalos, já que se revezam na hora do almoço.

Fonte: http://grupoojornal.com.br/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui